Resenha | O Grimório das Bruxas, de vários autores

2017/Cinthia David/OCORVO

Com uma proposta bastante singular, a antologia O Grimório das Bruxas realiza uma viagem através do tempo pelo misticismo da magia, apresentando ao leitor um prefácio informativo a respeito da origem da bruxaria e da sua disseminação entre os povos. Possui onze contos voltados do suspense à fantasia e algumas receitas de feitiços práticos que podem perfeitamente serem utilizadas no dia-a-dia — para quem crer no poder do dito oculto.

“Acima de tudo a bruxa é uma provocação, uma ideia de libertação, a bruxa é uma mulher livre”. (nota do prefácio, por Gabriela Rodrigues).

A obra reúne escritores de diferentes gêneros literários, no entanto, sua maior distinção não se encontra no tipo, e sim na construção de cada conto: há textos desenvolvidos de maneira exemplar, enquanto outros se mostram mais superficiais. Alguns retratam o passado, outros se atentam ao presente e a mitologia dada como base para as narrativas varia. Ora trabalha-se a magia por meio de ritos e mistérios, ora trabalha-se a magia hollywoodiana da cultura pop.

Em A Peste e o Martelo, nota-se o domínio do autor sobre o próprio enredo. O período histórico e a mitologia abordada são bem explorados, tendo como ponto alto a apropriação do Malleus Maleficarum (o Martelo das Bruxas, manual contra a bruxaria do século XV).

Proteja Meu Filho e A Última Curva também são contos dignos de nota. Criativos, além de executarem um bom uso de outras vertentes da bruxaria e de elementos como o suspense e o horror, contêm enredos que realmente enfeitiçam o leitor, aprisionando-os no universo de cada história do início ao fim.

Em relação ao aspecto visual do livro, repleto de detalhes gráficos, certamente dividirá opiniões. Possui imagens relacionadas à temática proposta e, numa aparente busca pela intensificação da obscuridade dessas imagens, houve o comprometimento da qualidade. Outra questão que pode ser incômoda para alguns é a fonte; embora combine com o contexto da obra, não é a mais confortável para leitura, assim como a divisão e o alinhamento do texto causam estranhamento devido à ausência de padrão. E ainda acerca dos textos, percebe-se a necessidade de passar por copidesque e uma posterior revisão.

Apesar das potenciais inconveniências, O Grimório das Bruxas continua possuindo ótimo conteúdo, portanto, é uma boa recomendação de leitura, sobretudo para quem possuir interesse pelo vasto universo da magia e do ocultismo.


INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES SOBRE A OBRA

Título: Antologia – O Grimório das Bruxas

Autores: Breno Vieira, Cinthia David, Daniel de Santana Pelotti, Douglas Ferreira, G. A. Zimath, Gabriel Casanova, Gabriela Rodrigues, Jéssica Cardoso de Oliveira, Jonnata Henrique, Leonardo Geranio, Marcia Lopes e Suka P.

Editora: Corvo

Páginas: 202

Ano: 2017

Sinopse: Há muito tempo um grimório se perdeu nas eras. Nele, além das receitas das bruxas haviam histórias sobre feiticeiras boas e outras terríveis. O Grimório foi encontrado e agora está ao seu alcance. Tome muito cuidado, pois ao ler essa história, sua mente será visitada por cada criatura mencionada nele.

Facebook Comments
Elielton Castro
About Elielton Castro 8 Articles
Natural de Belém do Pará, possui 21 anos, é apaixonado por histórias macabras, Edgar Allan Poe; é escritor resenhista nos tempos vagos e sofredor em tempo integral.